Preloader

Loading

image

Marketing Digital pode ser seu aliado na crise

A crise provocada pela pandemia do novo coronavírus Covid-19 já começou a trazer impactos económicos e incerteza ao sector empresarial (especialmente às PMEs). Embora toda a situação seja preocupante, não há necessidade de desespero, mas sim de adaptação. Entenda como o Marketing Digital pode te ajudar a superar esse momento de crise que estamos vivendo e te dar quem sabe a chance de conseguir uma recolocação diferenciada no mercado de trabalho.

É necessário tomar decisões rápidas e assertivas em situações de crise. No cenário atual, a tecnologia está a provar ser mais do que um aliado necessário para ajudar as empresas a ultrapassar a crise da covid-19.

Assim, ao delinear algumas estratégias de marketing digital, será possível reduzir significativamente os efeitos negativos da crise a longo prazo!

Entenda o impacto que COVID-19 tem na economia:

Muitos empresários estão justamente preocupados com o impacto econômico que o novo coronavírus irá trazer para o mercado. As crises trazem sempre instabilidade e exigem decisões rápidas e decisivas. O que é necessário para a sobrevivência das empresas a curto e longo prazo!

Alguns estudos recentemente publicados já mostram o impacto que a crise do coronavírus está a ter em vários mercados. Alguns segmentos, como o da eletrônica, já assistiram a um declínio nas vendas.

Para serviços básicos, no entanto, houve um aumento nas vendas em linha. Este é o caso dos supermercados e lojas de comércio eletrônico que vendem produtos de saúde como vitaminas e produtos de higiene pessoal.

Durante este período, é normal que o número de clientes e as vendas caiam, especialmente se o produto ou serviço que está a vender não estiver relacionado com itens básicos. O que se pode fazer é procurar alternativas para mitigar os efeitos negativos que uma crise pode causar e, em particular, preparar-se para o longo prazo.

Quarentena: isolamento social e a Internet

Uma vez que o isolamento social foi adotado como medida de precaução e grande parte do mundo está em quarentena, a Internet tornou-se um instrumento extremamente importante.

É utilizado como um meio de fazer trabalho que pode ser feito remotamente e continua a impulsionar a economia.

Hoje, mais do que nunca, a Internet é também um recurso que serve para aliviar as saudades de casa. E, tal como com o medo crescente de sair de casa, é um meio de adquirir produtos e serviços.

Embora a tecnologia digital já tenha permeado praticamente todos os aspectos da vida das pessoas, muitos empresários ainda não prestaram atenção suficiente ao potencial de vendas que a Internet oferece.

No entanto, muitos retalhistas que tiveram de fechar as suas lojas de tijolos e cimento devido à quarentena vêem agora a Internet como a coisa mais importante para manter as vendas!

 

Como utilizar o marketing digital para combater a crise?

Mas como pode a tecnologia digital ajudar a sua empresa a mitigar quaisquer perdas causadas pela crise coronária? Abaixo estão algumas estratégias que, se bem e assertivamente delineadas, serão de grande benefício para a sua empresa a curto ou longo prazo. Afinal, a crise vai passar, e quando ela chegar, terá de estar preparado!

Comércio electrônico e serviços de entrega invista em Marketing Digital

Com o encerramento de lojas e outras medidas de isolamento social, as lojas online e os serviços de entrega tornaram-se uma excelente alternativa às vendas. No entanto, para atrair clientes, é essencial ter um site de comércio eletrônico funcional e prático com opções de pagamento e boas fotografias dos produtos.

Voucher para compra antecipada

É natural que o número de vendas e de clientes desça durante este período. E para minimizar isto, algumas pequenas empresas utilizam uma estratégia que envolve a venda antecipada de um voucher para serviços.

O cliente paga agora, mas desfrutará dos serviços recebidos quando tudo tiver desaparecido. E a empresa garantirá o dinheiro de que necessita para satisfazer o seu orçamento (ou não ficar demasiado magoada).

Marketing Digital: invista em anúncios nas redes sociais

À medida que as pessoas passam mais tempo em casa, é normal que tenham acesso à Internet ainda mais frequentemente. É por isso que visar o seu público-alvo com um anúncio para uma loja electrónica, serviço de entrega ou vale de pré-venda é uma excelente estratégia para este tempo.

Trabalhe nas suas atuais relações com clientes

As próximas semanas e provavelmente meses serão um desafio para todos. A forma como gere as relações com os seus atuais clientes fará, portanto, uma grande diferença.

Criar uma campanha de e-mail marketing para estes clientes é uma ótima ideia para os envolver na sua marca.

Criar conteúdo orientado para o futuro: esse é o foco do Marketing Digital

Publicar mensagens nos meios de comunicação social, artigos em blogs ou enviar campanhas de marketing por correio eletrônico orientadas para o futuro. Se tiver um hotel ou outro negócio orientado para o lazer, pode obter o público interessado no seu negócio quando esta crise passar.

Como será depois de uma infecção por coronavírus?

Uma das principais ideias que saiu desta crise é a questão de como será a situação depois de ter passado. Teremos de novo uma vida normal? Os hábitos dos consumidores irão mudar?

A resposta a estas duas perguntas é a mesma: sim. Teremos novamente uma vida normal, mas a questão é que não sabemos quando e o que significa esta vida “normal”.

No que diz respeito aos hábitos de consumo, eles já estão a mudar. Cada vez mais pessoas estão a tomar consciência da conveniência e facilidade de fazer compras online, o que só tem acelerado a necessidade de algo que os profissionais de compras online já sabem muito sobre: a transformação digital.

Em resumo, a transformação digital é um processo impulsionado pela tecnologia que otimiza vários sectores empresariais. Isto é o que temos testemunhado recentemente, por exemplo, quando se trata da necessidade de um serviço de entrega ou de uma loja online para continuar a vender.

É portanto mais do que provável que os consumidores se adaptem e prefiram às compras em linha e a outras práticas.

 

leave your comment


O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Enviando